Dicas de orçamento para o casal.

Dicas de orçamento para o casal.

O casal também era presença na Consultoria. Por diversas vezes o interesse do casal era buscar informações de como poupar para garantir melhores reservas para a aposentadoria.

Só que não sobrava nada para investir em Previdência ou qualquer outro investimento de curto e médio prazo.

Daí, além da organização do orçamento familiar (vide post anterior), incentivar o consumo consciente do casal é fundamental, e algumas perguntas podem auxiliar, como:

Eu preciso? Eu quero? Eu posso pagar?

A participação dos filhos na organização do orçamento doméstico também é importante e o início da educação financeira em casa fará toda a diferença na vida deles.

Após planilha feita, com base na regra geral de que o casal deve somar as receitas e diminuir as despesas, é essencial estipular um prazo médio de 06 a 12 meses para que o casal e família possam reavaliar as medidas tomadas.

Se metas foram alcançadas vale celebrar, proporcionando um jantar ou atividade de lazer ao casal e família como recompensa.

E o saldo positivo deve ser direcionado de acordo com os objetivos do casal, se de curto, médio ou longo prazo.

Mas isso é tema para o nosso próximo post.

Gostou da dica? Compartilhe!

Vem conosco. Viva, Renato “O Cara da Previdência”!

Deixe uma resposta